insistente


preciso desesperadamente de escrever. as palavras atropelam-se na minha boca. os pensamentos na minha cabeça. a sanidade é facilmente atormentada por monstros demoníacos insistentes em andar à luta aqui por dentro. sou um poço profundo de confusão.

8 comentários:

Bernardo disse...

escreve ;D

claudia fernandes disse...

escrever alivia os pesos do coração

joanaf disse...

o teu sim :

Sara C disse...

adoro!
Escreve, escrever faz bem (:

Sara C disse...

oh, eu gostei do que escreveste neste post (:

joanaf disse...

Oh a sério? Eu adoro os teus, acho que escreves lindamente

Audrey Deal disse...

Escreve até nem mais puderes! Força nisso querida

sabrina mateus disse...

Sentir com inteligência, pensar com emoção, procura o que escrever, não como escrever, mas escreve com o coração.